Editorial 2023 - "Escrever Blog é Vintage?"

RESUMO (feito por Inteligência Artificial):O texto argumenta que o formato de blog de texto ainda é valioso em 2023, apesar da popularidade crescente de plataformas de vídeo curto como TikTok e Instagram. Ele aponta vantagens como a capacidade de usar apenas um sentido, a facilidade de obtenção de informação e o prazer de ler como motivos para a continuidade do formato.

Se você está chegando nesse blog hoje, a primeira pergunta que deve estar se fazendo é “quem mantém um blog de texto em 2023?” e essa pergunta não é absurda. Com mídias como redes sociais de vídeos curtos a exemplo do TikTok e do Instagram, ficou muito mais fácil a gente se comunicar verbalmente com outras pessoas através do mundo todo e essa coisa do texto parece que vai ficando para trás, como uma arte antiquada porém ainda apreciada, ou como diriam os millennials, se tornou vintage[1].

SOBRE A ARTE “VINTAGE” DE SE COMUNICAR POR PALAVRAS ESCRITAS:

Bom, essa pessoa que vos escreve não é um miellenial, eu nasci na década de 80 e estou na internet desde muito antes do TikTok, muito antes do Instagram e até mesmo do próprio YouTube. Portanto, junto com os neandertais publiquei minhas primeiras fotos apenas quando inventaram câmeras digitais e, antes disso, a gente escrevia nas paredes da verdadeira caverna que era a internet discada.

Mas eu não creio que o blog vai morrer por conta do TikTok, da mesma forma que o livro físico não morreu por conta do e-book, ou o vinil por conta do streaming. Bom, é impossível não considerar que o streaming matou várias mídias como o K7 e o CD. Mas o Vinil segue intacto tal qual o livro físico e eu acredito que o motivo disso seja a duração.

Portanto, acredito que mesmo que no futuro tenhamos hologramas e todas essas coisas que vemos em Star Wars, Trek e outras ficções, ainda vai ter alguém interessado em se comunicar pela palavra escrita pelos seguintes fatores:

  1. O primeiro é que a linguagem escrita ocupa apenas um dos seus sentidos, que é a visão, deixando todos os outros a sua disposição, ao contrário dos vídeos.
  2. Ler artigos curtos e bem estruturados talvez seja a forma mais rápida e segura de obter informação. Apesar das crescentes alegações de que o TikTok têm se tornado uma boa fonte de pesquisa, assistir um vídeo, mesmo que ele dure até 3min, ao menos para mim, parece mais trabalhoso do que ler um artigo, por exemplo, na Wikipédia que é estruturado para facilitar a obtenção rápida de uma informação.
  3. Precisamos lembrar que algumas pessoas acham que ler é uma experiência prazerosa. Afinal de contas, por ter uma baixa demanda dos seus sentidos, o texto obriga uma decodificação da informação ali escrita o que dá asas a imaginação de uma forma que, talvez, neste momento, só a linguagem escrita permita.

EM CONCLUSÃO:

Em 2023 vamos continuar publicando textos aqui, porém vamos usar uma estrutura que eu tenho visto em muitos sites jornalísticos que é o que você acabou de ler acima:
  1. Vamos introduzir o texto com um pequeno resumo feito pela inteligência artificial Chat GPT (da Open IA).
  2. Daremos prioridade para estruturar o texto em tópicos e listas, para facilitar a leitura e melhor absorção das informações pelo leitor.
  3. E, por último mas não menos importante: SEMPRE QUE POSSÍVEL, CITAREMOS FONTES!
Continue me seguindo nas redes sociais para saber quando publicarmos textos novos por aqui. Lembrando sempre que esse não é um blog apenas de psicologia, mas sim de todos os assuntos que me interessam que vão de cultura pop a astrofísica, passando por política e tudo mais que eu achar interessante.

BIBLIOGRAFIA:

  1. O que é Vintage”. Publicado em “Significados” sem data e sem autor. Acesso na data da publicação deste artigo.
  2. A Geração Z está pesquisando no TikTok em vez do Google. Profissionais de Marketing precisam se adaptar”. Por Bruna dourado. Publicado no Rockcontent. 2019
  3. Geração X: Da fita K7 ao Streaming”. Por Alexandre Maciel. Publicado no Linkedin. 2019

 

Comentários

Veja também:

Artigos populares